Jornal Letras do Alva   •   Director: Luís António Silva   •   Ano: III

Portugal esta a arder e em consequencia disso andamos em cima de brasas resultantes das chamas que nada poupam

Portugal esta a arder e em consequencia disso andamos em cima de brasas resultantes das chamas que nada poupam

Nao me vou alongar muito para nao aquecer ainda mais o ja escaldante ambiente.

Estamos envoltos em fumos negros e respiramos particulas solidas,nao as resultantes dos fogos,mas as dos incendiarios.

Andamos em cima de brasas e respiramos fumos, ja vai para quarenta anos,o que nos torna dependentes dos doutores.

Muitos portugueses emigraram porque ja tinham os pes em chaga e os pulmoes a ficar contaminados.

Ficaram aqueles que ja nao tinham capacidade para fugir deste braseiro,nem energia para zarpar.

Quando a politica de terra queimada terminar,so teremos cinzas, barrotes queimados e terras inferteis.

A arder andamos todos com os incendiarios de colarinho branco.

Ja agora peco desculpa pela falta de acentos;arderam todos!

Fernando Roldão